quinta-feira, fevereiro 14, 2013

Garganta

F. j. viegas quer mandar um funcionário da tributação 'tomar no cu'. Tantos tomates apresentados perante o mensageiro quando ele, na hora da saída e perante os decisores, desculpou-se com a saúde. Não sabia que cobardia era doença.

terça-feira, fevereiro 12, 2013

Sugestão

Para uma claustrofobia da morte ler o VI fragmento do livro "Rumor Branco" do Almeida Faria

segunda-feira, fevereiro 11, 2013

Relativiza filhinho, relativiza

JP2 era espetacular (o uso desta palavra é intencional) porque soube resistir até ao fim.
B16 é sensacional porque soube quando parar.
Entretanto, até a besta do cavaco se esquece que isto é um país laico.

Uma palavra vai ficar associada a este papadozinho (8 aninhos só em democracia): pedofilia.