domingo, julho 22, 2012

Absolutos

O editorial do público de hoje, para falar da crise espanhola e contaminação* a portugal, recupera a jangada de saramago expondo-a como 'absolutamente errada'. Porque seria um 'manifesto contra a integração europeia e  favor da busca de uma outra identidade ibérica'. Não percebo como isto está absolutamente errado a não ser nas mentes de quem gosta de uma boa divisão hegemónica entre dois opostos. Por mim, teria preferido que portugal e as restantes culturas ibéricas tivessem reflectido sobre a pertença ibérica ainda antes de uma pertença de fronteiras mais amplas que é a europa. Isto porque acho portugal como sendo ibérico e europeu. Parece então, estar 'absolutamente certo' vivermos em fronteira com uma invenção franquista e continuada por uma causa real de franceses.

*o uso de vocabulário relacionado com a infectolgia terá certamente um propósito orwelliano quando associado à crise económica.

Sem comentários: