terça-feira, julho 20, 2010

Do cinismo

Eis que do éden do liberalismo vem esta pérola:

Singapura liberta jornalista britânico que escreveu livro sobre pena de morte
Alan Shadrake foi libertado hoje, depois de, no domingo passado, ter sido detido pela polícia de Singapura, acusado pelo governo local de difamação. (…) publicou recentemente um livro que relata a história da pena de morte em Singapura (…).
(…)
“Tenho estado acordado a maior parte do tempo desde que me arrancaram da cama às 06h00 da manhã de domingo”, comentou Shadrake, acrescentando: “Dormi apenas algumas horas no chão da prisão. De resto, tenho sido interrogado o dia inteiro, explicando todos os capítulos do meu livro, a história, a pesquisa e o porquê de o ter feito”.

No fundo não surpreende.

Sem comentários: