sexta-feira, abril 16, 2010

Da falta de clareza

Martim Avillez Figueiredo foi demitido da direcção do ‘i’.  Porquê? Eis:

«Um mail enviado por Francisco Santos, administrador da Sojormedia, à direcção editorial refere um conjunto de metas de redução de custos, que, na sua opinião, “são vitais para a sobrevivência do ´i´ no quadro da fortíssima (quase total) dependência do seu accionista, grupo Lena, acompanhada de uma fraquíssima capacidade de gerar receitas”.»

A que se seguiu:

«O director do "i", Martim Avillez Figueiredo, entregou hoje uma carta ao presidente do grupo Lena, em que pede explicações sobre o corte de custos. Na sequência dessa carta, a administração decidiu demiti-lo.»

Não sei de que Martim Avillez se queixa. Não se percebe como um promotor dessa iniciativa da economia liberal chamada Compromisso Portugal fique indignado quando na falta de resultados financeiros suculentos hajam cortes orçamentais. It’s business stupid e a tua dignidade profissional não passa de um romantismo bacoco, ou qualque coisa do género. Bem prega frei tomás.

Sem comentários: