sábado, abril 10, 2010

Convite

JLS Poster 1
O trabalho proposto resulta da interpretação, por meio da Fotografia, do processo criativo envolvido na encenação da obra de Shakespeare Ricardo III pelo Grupo de Teatro de Letras , dirigido pelo encenador Ávila Costa . Tal como o Poder, também Ricardo atrai o Público para a maquiavélica vertigem da conspiração através dos seus monólogos. Nesses momentos, Ricardo apenas partilha o palco com as suas considerações e estas com a nossa curiosidade por uma certa malvadez de conquista. Ricardo espelha-nos. Aumentado o nosso desconforto, começamos a descobrir Ricardo em todas as restantes personagens e há algo de claustrofóbico em toda esta encenação.

A construção de tal enredo é feita com máscaras após desconstrução não do indivíduo mas da sua percepção dessa mesma encenação. As palavras agrupam-se em frases, que se separam em respirações e que necessitam de intenções sedentas de que o actor esteja lá, na zona. O actor é intérprete e assume a imensa  responsabilidade de o mostrar perante nós, sem a rede da escrita, da tela, do papel fotográfico sensibilizado e fixado. Através da fotografia e expondo o resultado de forma quase cronológica, constrói-se uma narrativa necessariamente incompleta. A tensão de palco transmuta-se em suspensão dos corpos no papel e as máscaras são cristalizadas apenas no contexto oferecido pela informação do sujeito fotográfico. De resto, o que se expõe tenta ser tão intemporal como a própria peça, não por uma relação de implicação mas antes porque o tema assim o determina.

Nuno Vieira Matos
nunovieiramatos@gmail.com
http://nunovieiramatos.blogspot.com
http://www.nucleoartefotografica.com

Agradecimentos: Ao Ávila Costa pela oportunidade e pela disponibilidade, aos actores do GTL pela cooperação (André Canário, André Pardal, Bruno Matay, Carolina Rocha, Catarina Salgueiro, Cláudia Pinto, Isabel Martins, Ivo Santos, Joana Araújo, Joana Lima, Joana Campelo, Jorge Albuquerque, Jorge Completo, Mariana Vieira, Marisa Russo, Miriam Vieira, Mónica Carrusca, Raquel Cipriano ), ao João Figueiredo Dias pelo apoio, logística e meios disponibilizados, ao Flávio Nunes por gentilmente ceder os vídeos, ao Núcleo de Arte Fotográfica (NAF) pelas oportunidades que cria, à Câmara Municipal de Mafra  pelo espaço, ao Pedro Ramos pela disponibilidade  e à Cristina por estar sempre lá.

Sem comentários: