domingo, agosto 16, 2009

Os tentáculos da estupidez

Barack Obama está numa cruzada pelo serviço nacional de saúde nos EUA. Este tema está a criar uma cisão no seio da sociedade americana, entre os apoiantes e os contestatários. Aos primeiros resta o desespero de ter acesso aos serviços de saúde. Aos segundos vem o bicho papão dos “tentáculos burocráticos” so Estado. O pânico histérico não deixa a razão tomar posse e não se pensa nos “tentáculos burocrácticos” das seguradoras privadas.

Os defensores do mercado livre pretendem até que se aprofunde o sistema privado de saúde removendo qualquer regulação estatal (a génese do mal). Até, pretendem que o Estado facilite as doações particulares (facilitar = tax deductible, claro) para ajudar as pessoas não abrangidas por nenhum plano de saúde. Por exemplo, isto. Enfim, não se percebe.

Enquanto isso, as pessoas morrem por falta de assistência médica. Demagogia? Não. Realidade. Vejam este vídeo que grita injustiça e revolta. Num país com tantos movimento “pró-vida” não se entende este abandono aos seus cidadãos.



Watch CBS Videos Online

2 comentários:

Mónica disse...

Assisti a esta reportagem e senti que, mesmo dizendo mal do nosso país, não nos podemos queixar muito ainda assim.

Fiquei completamente pasmada como, uma país que gasta biliões para andar em guerras sem grande sentido, deixa os seus cidadãos morrer por falta de assistência médica. A América só será mesmo a terra dos sonhos dos ricos e saudáveis!

Nuno Vieira Matos disse...

Pior é se pensarmos que os EUA são os que mais gastam em saúde per capita. As seguradoras concerteza agradecem.