sábado, dezembro 29, 2007

Fotografia: Série sobre a Palavra

O que faz falta é uma anunciação, com uma virgem e um anjo num pôr-de-sol. Na raridade de qualquer um destes itens, por virgem subentenda-se aquel@ que é o veículo da matéria geradora; por anjo quere-se o anunciador, o veículo do transmissor. Procura-se desesperadamente Lucas que divague sobre o propósito de tal acontecimento e nos indique o procedimento de tal colóquio. Eis que farejamos a palavra escrita em movimentos transversais da cabeça em relação ao movimento dobrado para a frente, veniando aquele que está por vir (e não para vir), em matilha compacta e acéfala.


Nuno Vieira Matos, Malaga, 2006

Nuno Vieira Matos, Beja, 2007

Nuno Vieira Matos, Paris, 2006

Sem comentários: